LOJA EM TURIAÇU

ModalidadePresencial
Local do leilãoÁtrio do Fórum da Comarca Regional de Jacarepaguá/RJ, localizado na Rua Professora Francisca Piragibe, 80 - Taquara
Visitação/ horárioNão informado
1º Leilão
AberturaFechamentoLance Inicial
24/10/201804/12/2018R$ 61.987,59

DO BEM OBJETO DE LEILÃO:(Conforme Laudo de avaliação de fls. 702v/750 de 20/10/2016)  DA DESCRIÇÃO DO BEM:Direito e ação da loja C, na Rua Conselheiro Galvão, nº 372 – Turiaçu – RJ. Devidamente matriculado no 8º Oficio de Registro de Imóveis sob o nº 118694/2DI4/26 e na Prefeitura sob o nº 0.730.243-3 e C.L. 01794-7.JUSTIFICATIVA:Trata-se do imóvel localizado na Rua Conselheiro Galvão, nº 372, loja C e a fração ideal de 5/100 do respectivo terreno, medindo: 50,00m pela Rua Vigiano, 9,50m de frente para a Rua Conselheiro Galvão, de propriedade de Jorge Ferreira e nos fundos com o prédio nº 23 da Rua Vigiano de propriedade de Albertino de Jesus Gomes da Silva, caracterizado e registrado sob a matricula m º 118694, Livro 2DI4/26, fls. 187 do Cartório do 8º Oficio do Registro de Imóveis da Comarca da Capital do Rio de Janeiro, inscrito no Município do Rio de Janeiro para o fim de recolhimento do IPTU sob o nº 0.730.243-3, tudo conforme cópia dos documentos que instruem o referido mandado. Imóvel de ocupação comercial, estando localizado numa das principais ruas da região: Rua Conselheiro Galvão. A região possui intensidade de tráfego de veículos e pedestres normal, com tipo de comércio local e atratividade baixa. É dotada de toda infraestrutura que normalmente serve as áreas urbanas, tais como: redes de água, energia elétrica, esgotos, pavimentação, transporte coletivo etc.AVALIO o imóvel acima descrito em R$ 56.500,00 (Cinquenta e seis mil e quinhentos reais)que correspondem a 18.818,90 UFIR que atualizados nesta data perfaz o valor deR$ 61.987,59(Sessenta e um mil, novecentos e oitenta e sete reais e cinquenta e nove centavos).

DAS ANOTAÇÕES DA MATRÍCULA IMÓVEL:Cientes os interessados sobre a existência das seguintes anotações na matrícula do imóvel:R-4– TÍTULO: PROMESSA DE VENDA – FORMA DO TÍTULO (...) Os proprietários já qualificados, prometeram vender a Wagner da Silva CruzR-11– PENHORA DO DIREITO E AÇÃO: (...) Da 1ª Vara Cível Regional de Jacarepaguá/RJ, processo 0005215-28.200.8.19.0203 (200.203.005096-9). Executada: Administradora de Imóveis Renascença LTDA; Exequente: Wagner da Silva Cruz e Credor Nelson Mathias.

DOS DÉBITOS DO IMÓVEL: Não constam débitos de IPTU no imóvel. Constam débitos de FUNESBOM, cujo valor aproximado é de R$ 367,75 (Trezentos e sessenta e sete reais e setenta e cinco centavos). Informações atualizadas sobre os débitos de IPTU e Outros, bem como apresentação das Certidões e R.G.I. do(s) imóvel(is), serão apresentadas no ato do leilão e já se encontram juntadas nos Autos supramencionados.

DAS INFORMAÇÕES ADICIONAIS DO PROCESSO:Cientes os interessados que a execução do arrematante em face do Auto da Ação uma vez que o leilão foi cancelado e não devolvido o valor da arrematação; Que a sentença anulando o leilão e determinando a restituição fora Às fls. 610/611 em 04/12/2014; Que foram citados da Execução às fls 630 no valor de R$ 59.403,86 em 04/08/2015; Que a indicação da penhora Às fls. 683/684 em 01/03/2016; que o deferimento da penhora ocorreu Às fls. 687 em 15/03/2016 e o termo de penhora Às fls689 em 01/04/2016; que a intimação para ciência da penhora ocorreu às fls. 687 em 15/03/2016 por meio de publicação.

LOJA EM TURIAÇU

Lote 1: LOJA EM TURIAÇU

Valores atualizados

Avaliação61.987,59
Lance mínimo61.987,59
Incremento1.000,00

Resultado parcial

Maior lance
Usuário
Visitas58

DO BEM OBJETO DE LEILÃO:(Conforme Laudo de avaliação de fls. 702v/750 de 20/10/2016)  DA DESCRIÇÃO DO BEM:Direito e ação da loja C, na Rua Conselheiro Galvão, nº 372 – Turiaçu – RJ. Devidamente matriculado no 8º Oficio de Registro de Imóveis sob o nº 118694/2DI4/26 e na Prefeitura sob o nº 0.730.243-3 e C.L. 01794-7.JUSTIFICATIVA:Trata-se do imóvel localizado na Rua Conselheiro Galvão, nº 372, loja C e a fração ideal de 5/100 do respectivo terreno, medindo: 50,00m pela Rua Vigiano, 9,50m de frente para a Rua Conselheiro Galvão, de propriedade de Jorge Ferreira e nos fundos com o prédio nº 23 da Rua Vigiano de propriedade de Albertino de Jesus Gomes da Silva, caracterizado e registrado sob a matricula m º 118694, Livro 2DI4/26, fls. 187 do Cartório do 8º Oficio do Registro de Imóveis da Comarca da Capital do Rio de Janeiro, inscrito no Município do Rio de Janeiro para o fim de recolhimento do IPTU sob o nº 0.730.243-3, tudo conforme cópia dos documentos que instruem o referido mandado. Imóvel de ocupação comercial, estando localizado numa das principais ruas da região: Rua Conselheiro Galvão. A região possui intensidade de tráfego de veículos e pedestres normal, com tipo de comércio local e atratividade baixa. É dotada de toda infraestrutura que normalmente serve as áreas urbanas, tais como: redes de água, energia elétrica, esgotos, pavimentação, transporte coletivo etc.AVALIO o imóvel acima descrito em R$ 56.500,00 (Cinquenta e seis mil e quinhentos reais)que correspondem a 18.818,90 UFIR que atualizados nesta data perfaz o valor deR$ 61.987,59(Sessenta e um mil, novecentos e oitenta e sete reais e cinquenta e nove centavos).

DAS ANOTAÇÕES DA MATRÍCULA IMÓVEL:Cientes os interessados sobre a existência das seguintes anotações na matrícula do imóvel:R-4– TÍTULO: PROMESSA DE VENDA – FORMA DO TÍTULO (...) Os proprietários já qualificados, prometeram vender a Wagner da Silva CruzR-11– PENHORA DO DIREITO E AÇÃO: (...) Da 1ª Vara Cível Regional de Jacarepaguá/RJ, processo 0005215-28.200.8.19.0203 (200.203.005096-9). Executada: Administradora de Imóveis Renascença LTDA; Exequente: Wagner da Silva Cruz e Credor Nelson Mathias.

DOS DÉBITOS DO IMÓVEL: Não constam débitos de IPTU no imóvel. Constam débitos de FUNESBOM, cujo valor aproximado é de R$ 367,75 (Trezentos e sessenta e sete reais e setenta e cinco centavos). Informações atualizadas sobre os débitos de IPTU e Outros, bem como apresentação das Certidões e R.G.I. do(s) imóvel(is), serão apresentadas no ato do leilão e já se encontram juntadas nos Autos supramencionados.

DAS INFORMAÇÕES ADICIONAIS DO PROCESSO:Cientes os interessados que a execução do arrematante em face do Auto da Ação uma vez que o leilão foi cancelado e não devolvido o valor da arrematação; Que a sentença anulando o leilão e determinando a restituição fora Às fls. 610/611 em 04/12/2014; Que foram citados da Execução às fls 630 no valor de R$ 59.403,86 em 04/08/2015; Que a indicação da penhora Às fls. 683/684 em 01/03/2016; que o deferimento da penhora ocorreu Às fls. 687 em 15/03/2016 e o termo de penhora Às fls689 em 01/04/2016; que a intimação para ciência da penhora ocorreu às fls. 687 em 15/03/2016 por meio de publicação.