IMÓVEL EM DUAS BARRAS

ModalidadePresencial/Online
Local do leilãoAvenida Almirante Barroso, 90, Gr. 606 – Centro, Rio de Janeiro/RJ
1º Leilão
AberturaFechamentoLance Inicial
12/08/201922/08/2019R$ 230.000,00

DO BEM A SER LEILOADO: DO BEM A SER LEILOADO: (Conforme o Laudo de Avaliação às fls. 57/58): Uma área de terra desmembrada de maior porção do imóvel denominado "Santa Rita das Mangueiras", situada em zona rural do segundo distrito do Município de Duas Barras/RJ, às margens esquerda da estrada que liga os Municípios de Duas Barras, ao Município de Cantagalo, sentido Duas Barras/Cantagalo, com uma área de trezentos e setenta e dois mil metros quadrados, (372.000,00m²) de terras próprias para lavoura, plantação de eucalipto, pomar de árvores frutíferas, pastos, mata, quatro fornos de fabricação de carvão, curral para manejo de aproximadamente vinte bovinos, açudes, um lago, duas casas para colonos com cerca de trinta metros quadrados (30,00m²), cada uma, construída em alvenaria de tijolo cobertas por telhas do tipo francesa, sem forro, piso em cimento liso, paredes pintadas, sem azulejo, dividas internamente em quatro cômodos. E contendo ainda uma casa sede com aproximadamente de 120,00m² (cento de vinte metros quadrados) de área construída, dividida internamente em sala, um quarto, uma suíte, copa-cozinha, banheiro, varanda e área de serviço, parte em alvenaria de tijolo e parte pau-a-pique, coberta por telhas do tipo canal, parte com forro de madeira, parte com laje; o piso da sala está revestido por tábuas corrida; O piso de quarto está revestido por fórmica imitando tábua corrida; O piso da suíte está revestido por cerâmica assim como os banheiros e a cozinha, as paredes da cozinha e dos banheiros estão revestidos de azulejo até a altura de 1,5m; O piso da varanda à frente da casa está revestido por ardósia; na porta posterior de casa contém uma construção em alvenaria de tijolo, coberta por telhas do tipo canal, utilizada como copa cozinha e área de serviço. Próximo a casa sede uma pequena construção em alvenaria de tijolo coberta por telhas do tipo canal utilizada como depósito. Confrontando no seu todo e por diversos lados com o remanescente do imóvel rural "Fazenda Santa Rita das Mangueiras" parte com os outorgantes vendedores, Eduardo Milhorance, Victorino Ara Barros e com o Rio Negro situado no imóvel rural denominado Fazenda Santa Rita das Mangueiras, conforme anotação do livro 2-C fls. 221 da matrícula 596 do Registro de Imóveis do 2º Distrito da Comarca de Duas Barras/RJ, conforme documento de fls. 05/07. O Executado, José de Mello Araújo, ficou de apresentar documentos com as novas confrontações e confrontantes da propriedade. Valor total da propriedade avaliada em 230.000,00 (Duzentos e trinta mil reais). Equivalente a 118.728,0611 UFIR/RJ. Quanto ao possível desmembramento da propriedade supra, na forma do art. 681 § único do CPC, este deve ser realizado por perito avaliador, mediante apresentação detalhada das confrontações, medidas, os devidos posicionamentos dos marcos e medida de azimute. Não é competência deste avaliados realizar levantamento para a realização do desmembramento requerido uma vez que o mesmo não possui meios para o tal. AVALIADO o imóvel, no valor de R$ 230.000,00 (Duzentos e trinta mil reais).

DOS DÉBITOS NA MATRÍCULA DO IMÓVEL:  Informações atualizadas sobre débitos de condomínio, IPTU, etc. e apresentação das certidões e RGI, no ato do leilão.

DAS ANOTAÇÕES NA MATRÍCULA DO IMÓVEL:  Imóvel registrado no Cartório do 2º Ofício de Justiça do RGI de Duas Barras na matrícula 596, em nome de José de Mello Araújo e Neide Huguenin Araújo. ConformeR1/596 – Data 25 de junho de 1996; R2/596 – Data 05/08/1996:Consta uma Cédula Crédito Comercial /Garantia Hipotecária Celular ao Banco do Brasil;R3/596 – Data 05/08/1996:Consta uma Cédula Rural Hipotecária ao Banco do Brasil;AV.4/596 – Data 07/10/1997:Consta uma Cédula Rural Hipotecária ao Banco do Brasil;AV.5/596 – Data 02/04/1998:Consta um Mandado de Penhora para Cooperativa de Crédito Rural e Bom Jardim Ltda.

DAS INFORMAÇÕES ADICIONAIS DO PROCESSO:Cientes os interessados que os réus foram citados da Ação/Execução às fls. 13/15; Que o auto/termo de Penhora consta às fls. 15; Que a intimação para ciência da Penhora consta às fls. 13/15.

IMÓVEL EM DUAS BARRAS

  • IMÓVEL EM DUAS BARRAS
StatusABERTO
Maior Lance
Usuário
Avaliação230.000,00
Lance mínimo230.000,00
Incremento5.000,00
Área de lances

DO BEM A SER LEILOADO: DO BEM A SER LEILOADO: (Conforme o Laudo de Avaliação às fls. 57/58): Uma área de terra desmembrada de maior porção do imóvel denominado "Santa Rita das Mangueiras", situada em zona rural do segundo distrito do Município de Duas Barras/RJ, às margens esquerda da estrada que liga os Municípios de Duas Barras, ao Município de Cantagalo, sentido Duas Barras/Cantagalo, com uma área de trezentos e setenta e dois mil metros quadrados, (372.000,00m²) de terras próprias para lavoura, plantação de eucalipto, pomar de árvores frutíferas, pastos, mata, quatro fornos de fabricação de carvão, curral para manejo de aproximadamente vinte bovinos, açudes, um lago, duas casas para colonos com cerca de trinta metros quadrados (30,00m²), cada uma, construída em alvenaria de tijolo cobertas por telhas do tipo francesa, sem forro, piso em cimento liso, paredes pintadas, sem azulejo, dividas internamente em quatro cômodos. E contendo ainda uma casa sede com aproximadamente de 120,00m² (cento de vinte metros quadrados) de área construída, dividida internamente em sala, um quarto, uma suíte, copa-cozinha, banheiro, varanda e área de serviço, parte em alvenaria de tijolo e parte pau-a-pique, coberta por telhas do tipo canal, parte com forro de madeira, parte com laje; o piso da sala está revestido por tábuas corrida; O piso de quarto está revestido por fórmica imitando tábua corrida; O piso da suíte está revestido por cerâmica assim como os banheiros e a cozinha, as paredes da cozinha e dos banheiros estão revestidos de azulejo até a altura de 1,5m; O piso da varanda à frente da casa está revestido por ardósia; na porta posterior de casa contém uma construção em alvenaria de tijolo, coberta por telhas do tipo canal, utilizada como copa cozinha e área de serviço. Próximo a casa sede uma pequena construção em alvenaria de tijolo coberta por telhas do tipo canal utilizada como depósito. Confrontando no seu todo e por diversos lados com o remanescente do imóvel rural "Fazenda Santa Rita das Mangueiras" parte com os outorgantes vendedores, Eduardo Milhorance, Victorino Ara Barros e com o Rio Negro situado no imóvel rural denominado Fazenda Santa Rita das Mangueiras, conforme anotação do livro 2-C fls. 221 da matrícula 596 do Registro de Imóveis do 2º Distrito da Comarca de Duas Barras/RJ, conforme documento de fls. 05/07. O Executado, José de Mello Araújo, ficou de apresentar documentos com as novas confrontações e confrontantes da propriedade. Valor total da propriedade avaliada em 230.000,00 (Duzentos e trinta mil reais). Equivalente a 118.728,0611 UFIR/RJ. Quanto ao possível desmembramento da propriedade supra, na forma do art. 681 § único do CPC, este deve ser realizado por perito avaliador, mediante apresentação detalhada das confrontações, medidas, os devidos posicionamentos dos marcos e medida de azimute. Não é competência deste avaliados realizar levantamento para a realização do desmembramento requerido uma vez que o mesmo não possui meios para o tal. AVALIADO o imóvel, no valor de R$ 230.000,00 (Duzentos e trinta mil reais).

DOS DÉBITOS NA MATRÍCULA DO IMÓVEL:  Informações atualizadas sobre débitos de condomínio, IPTU, etc. e apresentação das certidões e RGI, no ato do leilão.

DAS ANOTAÇÕES NA MATRÍCULA DO IMÓVEL:  Imóvel registrado no Cartório do 2º Ofício de Justiça do RGI de Duas Barras na matrícula 596, em nome de José de Mello Araújo e Neide Huguenin Araújo. ConformeR1/596 – Data 25 de junho de 1996; R2/596 – Data 05/08/1996:Consta uma Cédula Crédito Comercial /Garantia Hipotecária Celular ao Banco do Brasil;R3/596 – Data 05/08/1996:Consta uma Cédula Rural Hipotecária ao Banco do Brasil;AV.4/596 – Data 07/10/1997:Consta uma Cédula Rural Hipotecária ao Banco do Brasil;AV.5/596 – Data 02/04/1998:Consta um Mandado de Penhora para Cooperativa de Crédito Rural e Bom Jardim Ltda.

DAS INFORMAÇÕES ADICIONAIS DO PROCESSO:Cientes os interessados que os réus foram citados da Ação/Execução às fls. 13/15; Que o auto/termo de Penhora consta às fls. 15; Que a intimação para ciência da Penhora consta às fls. 13/15.

DAS ADVERTÊNCIAS: 1 - Ficam intimadas as partes através deste Edital, caso não o sejam pelo Senhor Oficial de Justiça (art. 889 do CPC). 2 - O credor pignoratício, hipotecário, anticrético, fiduciário ou com penhora anteriormente averbada, os usufrutuários, o coproprietário de bem indivisível, que não foram intimados pessoalmente, ficam neste ato intimados da realização dos respectivos leilões (art. 889 do CPC). 3 – As alienações são feitas em caráter “AD-CORPUS”, sendo que as áreas mencionadas nos Editais, catálogos e outros veículos de comunicação, são meramente enunciativas. Os imóveis serão vendidos no estado em que se encontram, não podendo o arrematante alegar desconhecimento de suas condições, características, compartimentos internos, estado de conservação e localização. 4 - Compete ao interessado na arrematação, a verificação do estado de conservação dos bens, bem como, em se tratando de bens imóveis de eventuais restrições para construção, averbadas ou não na matrícula ou para construções futuras. 5 - Assinado o auto de arrematação pelo juiz, pelo arrematante e pelo leiloeiro, a arrematação considerar-se-á perfeita, acabada e irretratável, ainda que venham a ser julgados procedentes os embargos do executado. (art. 903 do CPC). 6 - Se o arrematante não honrar com o pagamento referido no prazo mencionado, configurar-se-á a desistência da arrematação, ficando impedido de participar de novos leilões judiciais (art. 897 do CPC), aplicando-se lhe multa, o qual se reverterá em favor do credor, e responder pelas despesas processuais respectivas, bem como pela comissão do leiloeiro. 7 - Violência ou fraude em arrematação judicial - Art. 358 do Código Penal. Impedir, perturbar ou fraudar arrematação judicial; afastar ou procurar afastar concorrente ou licitante, por meio de violência, grave ameaça, fraude ou oferecimento de vantagem: Pena – detenção, de dois meses a um ano, ou multa, além da pena correspondente à violência.

DO PAGAMENTO DA ARREMATAÇÃO: 1. À Vista: A arrematação far-se-á mediante o pagamento imediato do preço pelo arrematante ou, no prazo de até 15 (quinze) dias, mediante caução de 25% (vinte e cinco por cento) por meio de guia judicial (art. 892 do CPC); 2. Parcelado: Ao optar pelo pagamento parcelado, o arrematante, deverá apresentar proposta de aquisição do bem, por escrito na forma do Art. 895 do NCPC e seguintes, sempre antes do início de cada leilão ao Leiloeiro, e, deverá efetuar o pagamento mediante guia judicial, sendo o valor das parcelas devidamente atualizado, mensalmente, desde a data da arrematação, apresentando as guias de depósito judicial pagas nos autos, conforme proposta apresentada. 3. O lance à vista sempre prevalecerá sobre as propostas de pagamento parcelado (art. 895, inciso II, § 7º, do CPC). 4. O arrematante deverá pagar ao Leiloeiro, a título de comissão, o valor correspondente a 5% de comissão ao Leiloeiro no ato do leilão, que será devido nos caso de arrematação à vista ou parcelada e/ou adjudicação, o qual não está incluso no montante do lance. 4.1. Outrossim, na hipótese de sustação do leilão por remissão da dívida ou por acordo entre as partes, será devida a verba honorária ao Leiloeiro no valor correspondente a 5% sobre a Avaliação, na forma do Art. 7º, § 3º da Resolução do CNJ nº 236 de 13 de julho de 2016, bem com reembolso integral das despesas adiantadas para sua realização do leilão. 5. Cientes os interessados que o imóvel será vendido livre e desembaraçado de débitos, na forma do Art. 130, § Único, do CTN c/c §1º do art. 908 do NCPC. 6. O Exequente poderá arrematar os bens objeto de leilão, nos termos do Art. 892 §1º do CPC. 7. Em relação à preferência na arrematação, observar-se-á o artigo 892, §§ 2º,  3º, do CPC e especialmente ao(s) condôminos, a quem serão resguardados o direito de preferência contido no artigo 1.322, do CC.

DOS LANCES PRESENCIAIS E ELETRÔNICO (SIMULTÂNEO): 1 - Poderão ser realizados de acordo com as datas e horários previstos no presente edital . 2 - Dos interessados na modalidade presencial estes devem dirigir-se diretamente ao local designado, enquanto que aos interessados no Leilão Eletrônico (Online) o cadastro e os lances eletrônicos serão efetuados exclusivamente perante o pelo seguinte sítio eletrônico: www.alexandroleiloeiro.com.br, pertencente ao Leiloeiro Público Oficial, Sr. Alexandro da Silva Lacerda. 3 - O interessado em participar do leilão na modalidade eletrônico deverá cadastrar-se previamente no site www.alexandroleiloeiro.com.br, com antecedência mínima de 48 (quarenta e oito) horas da data do evento e de modo absolutamente gratuito, ficando o interessado responsável civil e criminalmente pelas informações lançadas no preenchimento do aludido cadastro, oportunidade em que preencherá os dados pessoais e aceitará as condições de participação previstas neste Edital e no Termo de Compromisso constante do sítio eletrônico. 4 - Para que seja confirmado o cadastro pela internet, será obrigatório enviar, cópias dos documentos a seguir transcritos: a) se pessoa física: Carteira de Identidade, CPF e comprovante de residência; b) se pessoa jurídica: CNPJ, contrato social (até a última alteração) ou Declaração de Firma Individual, RG e CPF do representante legal ou do preposto da pessoa jurídica respectiva e demais documentos que se fizerem necessários. 5 - A aprovação do cadastro será confirmada através do e-mail informado pelo usuário, tornando-se indispensável mantê-lo válido e regularmente atualizado. 6 - Os Lances Eletrônicos serão concretizados no ato de sua captação pelo provedor e não no ato da emissão pelo participante. Assim, diante das diferentes velocidades nas transmissões de dados, dependentes de uma série de fatores alheios ao controle pelo provedor, o Leiloeiro não se responsabiliza por lances ofertados que não sejam recebidos antes do fechamento do Lote.

Informações podem ser obtidas nos seguintes locais: Escritório do Leiloeiro situado na Avenida Almirante Barroso, nº 90, Grupo 606 – Centro, Rio de Janeiro, RJ. Site: www.alexandroleiloeiro.com.br. Telefone: (21)3559-2092 – (21)97500-8904. E-mail: contato@alexandroleiloeiro.com.br.

E para que chegue ao conhecimento de todos os interessados, foi expedido o presente, para cautelas de estilo, ficando o(s) Executado(s)/Condôminos(s) intimado(s) da hasta pública se não for(em) encontrado(s) por intermédio deste Edital na forma do art. 889, 892 do NCPC, sendo uma das vias afixadas no local de costume do Fórum. CUMPRA-SE. Dado e passado, nesta Cidade em Rio de Janeiro, em 17 de Junho de 2019. Eu, digitei ______________________, e Eu, Chefe da Serventia, subscrevo______________________. (ass.) MARIA DO CARMO ALVIM PADILHA GERK – Juiz de Direito.

 

 

Não há endereço disponivel para este lote

Últimos lances superados
LoginValorDataTipo
Este lote ainda não teve lances superados
Relação de lances por usuário
LoginIPTotal de lancesMaior lance
Este lote ainda não recebeu lances